FUZIL DE ASSALTO AK-47

Um verdadeiro ícone soviético.

Simplesmente o rifle mais vendido de TODOS os tempos.

Esse conhecido fuzil de assalto foi criado pelo soviético Mikhail Kalashnicov (foto acima) em 1947, daí o nome AK-47 (Avtomat Kalashnicov de 1947). Você deve saber que nessa época não existia a Rússia, mas sim a União Soviética, comandada sob o estado comunista liderado por Lenin. Mikhail era sargento do exército soviético, mas foi ferido em batalha no ano de 1942, ficando afastado dos campos de batalha. Durante esse período, ele desenvolveu várias armas, chegando ao modelo da AK-47 como conhecemos hoje.

O Ak-47 se tornou o fuzil mais vendido de todos os tempos, ultrapassando 90 milhões de unidades. Imagine que essa quantidade daria para abastecer todos os brasileiros adultos com idade entre 19 e 60 anos! Apesar de todo o sucesso de vendas, Mikhail não ficou rico, pois todo o lucro da venda dos AK-47 era destinado ao governo comunista. Mas afinal, qual foi o motivo do sucesso desse rifle?

Foram vários! Primeiramente o preço. Toda sociedade comunista tem escassez de recursos, e com a União Soviética não era diferente. Além disso, o período pós Segunda Guerra Mundial, a partir
de 1945, ficou conhecido como Guerra Fria, com a polarização do mundo em capitalistas e socialistas, EUA e União Soviética. Ou seja, os soviéticos, que já dispunham de poucos recursos, precisavam ainda abastecer toda uma máquina de guerra, então os fuzis produzidos precisam ser baratos! E foi assim que o fizeram.

Outro grande motivo, o calibre 7,62 x 39mm (foto ao lado), extremamente letal e preciso, com alcance de até 600 metros, fazendo do AK-47 perfeito tanto para ambientes fechados, quanto para confrontos em ambiente aberto.

Além disso, o AK-47 é de fácil uso, pois seus mecanismos são extremamente simples. Não é necessário nenhuma experiência com armas para manejar esse fuzil, e até mesmo as crianças poderiam usá-la (e acredite, elas USAM!).

Por último, a confiabilidade. É um fuzil rústico e “parrudo”, aguenta o tranco nos mais diferentes cenários, desde o calor escaldante do deserto, até o frio glacial dos pólos. Não importa o quão suja de areia, pó, lama, terra ou gelo ela esteja, dificilmente um AK-47 trava. Exige também poucos cuidados com limpeza e manutenção. Como se isso não bastasse, é uma arma linda, uma perfeita combinação de aço, suor e madeira, resultando nesse objeto único, tão retratado nos jogos e nos filmes.

Atualmente existem variações do AK-47, modelos mais compactos, com coronha rebatível, com empunhadura de polímero ou com trilhos para acessórios. E assim como o AK-47 clássico, eles não são mais produzidos apenas na Rússia, existem fabricantes licenciados em países como Bulgária, China, Índia, Coréia do Norte e até mesmo Estados Unidos (pasme!).

No Brasil, a não ser que você seja um traficante, é impossível ter ou atirar com um AK 47. O jeito então é comprar uma réplica de airsoft ou jogar no Counter-Strike.

Forte abraço BEM hétero!

 

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s