CUTELARIA: O QUE É ISSO?

Todo homem gosta de facas. Mas você seria capaz de fazer uma?

Saiba que, com um pouco de trabalho e conhecimento, é possível fazer peças incríveis.

A Cutelaria é o ofício do cuteleiro, a pessoa que fabrica objetos de corte, como facas, canivetes, espadas, adagas, punhais, machados e etc….

Muita gente utiliza o termo “cutelaria” para designar todo tipo de instrumento de corte. Mas não se confunda, quando se fala em cutelaria, refere-se à fabricação, e não às peças.

Essa fabricação pode ser tanto industrial quanto artesanal. Os cuteleiros artesanais são capazes de fabricar ou restaurar peças incríveis, verdadeiras obras de arte cobiçadas pelos entusiastas. Desde os modelos mais tradicionais aos mais exóticos, o cuteleiro pode moldar o metal ao seu gosto, através dos seguintes passos:

1- Escolha do material: Escolhe-se uma liga de aço adequada para o tipo e a função da lâmina;

2- Forjamento: O metal é esquentado na forja e posteriormente martelado (forjado) até o formato aproximado que se pretende obter. Esse processo é possivelmente o mais cansativo e repetitivo, pois o metal é reaquecido e batido várias vezes durante o processo;

3- Esmerilhamento: A lâmina é esmerilhada para chegar quase ao formato final. São corrigidas imperfeições no perfil e na superfície do metal, além de delinear a região de corte desejada;

4- Endurecimento e têmpera: O objeto é reaquecido e mergulhado numa solução com óleo (repetidas vezes), para adquirir dureza, e é mantido aquecido numa determinada temperatura por um certo período de tempo. Dessa forma, o metal fica mais duro.

5- Acabamento: Com o auxílio de limas, lixas finas e pastas de polimento, é dado o acabamento final, com o brilho desejado. Nessa etapa, a lâmina também é afiada.

6- Cabo: É feito e instalado o cabo da lamina. Essa etapa envolve habilidades de carpinteiro, pois, a partir de um pedaço bruto de madeira, é moldada a empunhadura. Podemos dividir essa etapa em várias outras, como corte, lixamento, furação, rebite e envernização.

Para conseguir cumprir essas (e outras) etapas, são precisos alguns equipamentos como forja (forno de alta temperatura), bigorna, martelos, alicates, esmeriladeira, limas, lixas avental e luvas de proteção, além de alguns insumos próprios da cutelaria.

Então, antes de sair investindo pesado no ofício, procure por cursos de cutelaria. Nele você terá acesso a todos materiais e ferramentas utilizadas, conhecerá técnicas e exercitará tudo isso na prática. Normalmente, em todo curso de cuteleiro, o aluno sai com uma ou mais lâminas prontas! Se você gostar, pode instalar seu “atelier”  de cutelaria num cantinho da sua garagem.

Vários artesãos publicam vídeos completos da fabricação de machados, canivetes, facas e até mesmo espadas. Procure no youtube, em especial por vídeos americanos, e você vai se inspirar a fabricar suas próprias lâminas. Se você for bom, saiba que lâminas artesanais são muito valorizadas, e tem alto valor no mercado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s