ARCO E FLECHA

Retrocesso ou futuro?

Conheça um pouco sobre a origem e o destino dessa arma milenar

Devido ao corpo de madeira, poucos arcos antigos resistiram à passagem do tempo, tornando difícil datar com precisão a sua origem. Porém, pinturas rupestres encontradas em antigas cavernas sugerem que o arco e flecha são tão antigos quanto a descoberta do fogo e a invenção das ferramentas mais primitivas. A simplicidade do “mecanismo” nos faz crer que isso é verdade.

Um arco primitivo era composto, basicamente, por um pedaço curvo de madeira (um galho!) e um elástico (tripa de javali ou outro animal), enquanto a flecha nada mais era do que um galho reto dotado de uma pedra numa ponta, e uma pena na outra. Muita gente acha que as penas eram apenas estéticas, mas isso não é verdade, elas tem a função essencial de dar estabilidade à flecha durante o voo. São tão importantes quanto as asas de um avião ou as aletas de um foguete.

Acredita-se que ele foi concebido, inicialmente, para a caça, mas rapidamente foi incorporado como arma de guerra. Um pelotão de arqueiros era capaz de fazer um belo estrago no inimigo, mesmo a grandes distâncias, podendo até mesmo abater grandes animais, como elefantes. Pode-se dizer que os arqueiros daquela época eram equivalentes aos snipers da atualidade, já que podiam matar a distância.

A evolução do arco é um formato conhecido como “Balestra”, que após “armado” permitia o disparo usando uma única mão.

Resultado de imagem para balestra

Posteriormente, o arco convencional foi adotado como modalidade esportiva, e está presente no jogos olímpicos até hoje. Com a evolução das armas de fogo, seu uso ficou restrito ao esporte e lazer.

Porém, não podemos ignorar sua funcionalidade em cenários de crise.

Um arco e flecha jamais competiriam com um revolver, nem mesmo com uma garrucha antiga, a não ser que houvesse falta de munição. Nesse hipotético cenário de crise, o arco mostra sua vantagem, pois além de ser facilmente construído com materiais simples, possui munição praticamente infinita. Ou seja, perdido na mata, mais vale um canivete, que você pode usar para construir um arco e flecha, do que um revólver sem munição.

Mas você não precisa esperar um apocalipse zumbi para treinar com um arco, existem modelos atuais construídos com materiais modernos, como alumínio, fibra de carbono e nylon, que podem ser facilmente encontrados em lojas de artigos esportivos ou lojas especializadas.

Se você tiver espaço, com certeza garantirá muitas horas de diversão. Você pode até mesmo organizar campeonatos entre os amigos.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s