O PRIMEIRO CIGARRO A GENTE NUNCA ESQUECE

cigarro5

Qual foi a sua primeira tragada?

Ou a primeira recusa?

Não queremos incentivar ninguém a fumar. Mas o cigarro existe, e as pessoas fumam, fumaram ou fumarão, e deixar de falar no assunto não mudará isso.

A geração de hoje foi privada do convívio com a fumaça, mas as gerações dos anos 80 ou anteriores sempre tiveram contato muito próximo com o cigarro. É até estranho imaginar que se fumava nos restaurantes, nos shoppings e nas lojas! Nossos pais ou parentes fumavam na nossa frente, sentados na mesma mesa ou dentro dos carros. A geração de hoje é tão frágil, que se alguém acendesse um cigarro perto delas, provavelmente morreriam de falta de ar. A caça aos fumantes se intensificou tanto, que nem mesmo na rua ou na sacada do seu apartamento você fica livre da reprovação alheia.

Não vou entrar no mérito do “certo ou errado”, estou apenas descrevendo como as coisas eram. Eu, pessoalmente, tive pais e tios fumantes, que invariavelmente forjaram meu caráter, e talvez tenham certa parcela de “culpa” por eu ter me tornado um fumante. Ou talvez nem tanto, pois comecei a fumar depois dos 20 anos de idade, e já sabia muito bem o que estava fazendo.

 

Também não me lembro da primeira vez que acendi um cigarro, mas lembro de duas situações marcantes envolvendo esse hábito.

A primeira delas foi quando me queimei no cigarro da minha tia. Ela estava com a mão na cintura, segurando um cigarro aceso. Eu, distraído, parei do lado dela com o rosto colado no cigarro. Tenho até hoje a cicatriz. Lembrando que, ela nunca se desculpou por isso, muito pelo contrário, eu é que fui reprimido, “sua criança estúpida”, por ter me queimado.

A segunda, foi quando meu pai comprou para mim os famosos e polêmicos cigarrinhos de chocolate.

 

 

Resultado de imagem para cigarro de chocolateE antes de repreender o meu velho, lembrem-se de que eram outros tempos. Além disso, eu tenho uma lembrança muito tenra dessa época. Era muito legal passear com o meu pai pelo interior, andando com ele enquanto “fumávamos” juntos. Parece bobagem, mas fazia eu me sentir mais amigo dele.

Esse produto acabou sendo proibido, mas existem ainda os lápis de chocolate, que vem numa embalagem diferente, mas são a mesma coisa. Ainda dá para as crianças mais criativas brincarem de fumar.

Mas o verdadeiro “primeiro cigarro” que eu fumei foi o L.A. Cereja Ice

Resultado de imagem para LA cereja ice

Claro, era um cigarro aromatizado. Tinha um filtro vermelho (quase rosa) que mesmo apagado deixava um gostinho doce nos lábios. Eu sei…, era muito GAY! Quando aceso, parecia muito com Halls de cereja, pois tinha o gostinho doce da cereja, e uma certa refrescância da menta. Era ótimo!

Com o passar do tempo, acabei enjoando dele (como todo mundo!), e fui migrando para o cigarro comum. Ainda tenho vontade de experimentá-lo novamente, mas com as leis endurecendo cada vez mais os cigarros com aroma, nem tenho visto mais deles para comprar. É uma pena (ou não).

 

E você? Qual é a sua experiência com o cigarro? Como era (ou ainda é), sua convivência com parentes fumantes? Deixe seu comentário!

Burro

2 comentários

  1. Meu primeiro foi um cigarro de palha de milho com fumo em corda que furtei da venda do meu avô. Sentei debaixo de um pé de butiá enquanto picava e enrolava muito sem jeito aos 10 anos. Foi sofrido acender, foi muito melhor o aroma que o gosto, mas pior que por algum motivo atraiu abelhas e lá se foram 2 ferroadas. Como se não bastasse apanhei da mãe por estar fedendo a fumo.. só voltei aos 25 direto para cachimbos e charutos sem nunca mais sentar perto de butiá.

    Curtir

  2. Meu primeiro cigarro foi o Parliament. Eu era office boy de uma multinacional e lembro que foi um colega do serviço que ofereceu. Sempre gostei de cigarros com sabor, apesar de ter ficado um bom tempo sem fumar. Hoje fumo cigarro de palha Paulistinha também com sabor de menta. As vezes dou uma variada e fumo o de cereja ou de uva verde da mesma marca, pois deixa um gosto bom.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s